, , , , , ,

Colágeno Hidrolisado em Sachê + Associações (sem sabor)


Indicado para manutenção estrutural da pele, cabelos e unhas. A Biopharma já acrescenta em sua fórmula de Colágeno Hidrolisado todas as vitaminas e minerais para que a absorção e estímulo de formação seja completa.

Apresentação: Bolsa com 30 sachês sem sabor

R$102,00

Simulação de frete

Pesquisas mostram que perdemos em torno de 1% de colágeno ao ano, tendo perda crescente ao longo dos anos, o que acarreta a falta de elasticidade, hidratação da pele, aparecimento de rugas, celulites, flacidez, unhas e cabelos fracos. É recomendado o uso de uma dose de 8 a 10 gramas de Colágeno Hidrolisado em Sachê + Associações diariamente para evitar os danos estruturais da pele devido ao envelhecimento. Para que ocorra uma boa absorção é necessário que o colágeno seja ingerido juntamente com algumas vitaminas e minerais, por isso, a Biopharma já acrescenta em sua fórmula de Colágeno Hidrolisado todas as vitaminas e minerais para que a absorção e estímulo de formação seja completa.

 

Na composição do Colágeno Hidrolisado em Sachê + Associações encontramos:

COLAGENO HIDROLISADO –  O colágeno é uma proteína estrutural básica, componente essencial dos tecidos e sistema esquelético, sendo encontrado como constituinte da pele, tendões, cartilagens, ossos e tecido conectivo. O colágeno é a principal proteína do corpo que garante a coesão, elasticidade e regeneração da pele, cartilagem e ossos. Há diferentes tipos de colágeno encontrados em locais específicos do corpo. Aos 50 anos, o corpo só produz em média 35% do colágeno necessário. Supõe-se que esta seja uma das principais causas do envelhecimento.

VITAMINA A – Atua como potente antioxidante e neutralizante de radicais livres; possui efeito farmacodinâmico, no sentido de manter a pele em bom estado e favorecer seu metabolismo correto. A vitamina A é essencial não somente para o desenvolvimento da pele, mas também para o crescimento e manutenção dos ossos, glândulas, dentes, unhas e cabelos, participando também da elaboração e regeneração de substâncias indispensáveis à fisiologia da visão.

ÁCIDO HIALURÔNICO – É um ativo produzido naturalmente no corpo, porém com o passar do tempo sua produção diminui, sendo necessário fazer sua reposição através de tratamento. O ácido hialurônico tem efeito anti-idade pois auxilia na sustentação da pele e a hidratação da pele evitando a flacidez, as linhas e sinais de expressão, preenchendo e mantendo a pele hidratada, viçosa e revitalizada. Por ser produzido em nosso organismo, o tratamento com ácido hialurônico não sofre rejeição pela pele.

VITAMINA C – Atua como coenzima e, sob determinadas condições, como agente redutor e antioxidante. Age como cofator para prolil e lisil hidroxilases na biossíntese do colágeno.

VITAMINA E – A vitamina E é um termo genérico aplicado a um grande número de compostos naturais ou sintéticos. Tem ação antioxidante e retarda tanto a formação de peróxidos como a oxidação de lipídios, retardando assim, o envelhecimento cutâneo.

BIOTINA – A biotina é uma vitamina hidrossolúvel do complexo B essencial para função normal das células, desempenhando um papel fundamental na manutenção da integridade da pele. Aumenta o uso das vitaminas B12, B5 e do ácido fólico; Auxilia no fortalecimento da queda de cabelo e perda da pigmentação; Regula os níveis de gordura saturada (colesterol).

SELENIO QUELADO – É um mineral essencial que o organismo necessita em quantidades mínimas. É indicado como preventivo nas alterações degenerativas do pâncreas; exerce efeito protetor, retardando o desenvolvimento do tecido cancerígeno; deficiências imunológicas, outra característica do selênio é que aumenta a efetividade da vitamina E; é um antioxidante que ajuda a prevenir a ruptura dos cromossomas dos tecidos.

ZINCO QUELADO – O zinco é vital para o funcionamento saudável de muitos sistemas do organismo. É especialmente importante para a saúde da pele e essencial para um sistema imunológico saudável e para a resistência a infecções. O zinco tem várias funções. Seu papel é crucial no crescimento e na divisão das células, quando é necessário na síntese de proteínas e de DNA, está ligado ao metabolismo de proteínas, carboidratos, lipídios e energia. Acredita-se que a suplementação de zinco possa auxiliar no tratamento de problemas de pele como acne e eczema, reprodução celular; acelera a cicatrização de feridas e queimaduras.

MAGNÉSIO QUELADO – O magnésio é importante no processo de metabolização do Cálcio, da Vitamina C, Fósforo, Sódio e Potássio. Participa do processo de fixação do cálcio nos ossos, contribuindo para o fortalecimento ósseo. O magnésio é vital para saúde do tecido muscular e nervoso.

 

 

  • Principais Indicações do Colágeno Hidrolisado em Sachê + Associações:
    • – Firmeza muscular e de pele;
    • – Manutenção de pele, cabelos e unhas;
    • – Aumento da elasticidade da pele;
    • – Promoção da saciedade;
    • – Prevenção de envelhecimento precoce (ação antioxidante);
    • – Saúde articular.

 

  • Contra Indicações?
    • A administração de colágeno pó hidrolisado não é recomendada a pessoas portadoras de problemas renais ou hepáticos, com níveis elevados de ácido úrico, gota, etc., pois o excesso ingerido é eliminado na forma de ureia. Colágeno Hidrolisado em Sachê + Associações é contraindicado em casos de hipersensibilidade do usuário a algum dos componentes presentes na formulação, porém a venda é realizada sob prescrição de profissional habilitado, podendo este ser o nosso farmacêutico de acordo com a Resolução 586/2013 do Conselho de Farmácia. Consulte-o!

 

  • Composição do Colágeno Hidrolisado em Sachê + Associações:
    • Colágeno hidrolisado – 10g
    • Vitamina A – 18mcg
    • Ácido Hialurônic0 – 100mg
    • Vitamina C – 50mg
    • Vitamina E – 5mg
    • Biotina – 5mg
    • Selenio Quelado – 50mcg
    • Zinco Quelado – 30mg
    • Magnésio Quelado – 40mg

Modo de Usar: Uso oral – Tomar 1 medida contendo de 8 à 10g de colágeno ao dia, diluída em 400 a 500ml de água ou suco.

Peso 361 g
Dimensões 27 × 20 × 6 cm

1-) Codigo: 5011

2-) Nome: Colágeno Hidrolisado em Sachê + Associações (sem sabor)

3-) Descrição: Indicado para manutenção estrutural da pele, cabelos e unhas

            3.1-) Apresentação: Bolsa com 30 sachês sem sabor

4-) Informações sobre o produto:

            4.1-) Para que serve?

Pesquisas mostram que perdemos em torno de 1% de colágeno ao ano, tendo perda crescente ao longo dos anos, o que acarreta a falta de elasticidade, hidratação da pele, aparecimento de rugas, celulites, flacidez, unhas e cabelos fracos. É recomendado o uso de uma dose de 8 a 10 gramas de Colágeno Hidrolisado diariamente para evitas os danos estruturais da pele devido ao envelhecimento. Para que ocorra uma boa absorção é necessário que o colágeno seja ingerido juntamente com algumas vitaminas e minerais, por isso, a Biopharma já acrescenta em sua fórmula de Colágeno Hidrolisado todas as vitaminas e minerais para que a absorção e estímulo de formação seja completa. Em sua composição, está presente:

 

COLAGENO HIDROLISADO –  O colágeno é uma proteína estrutural básica. Na natureza, é encontrada exclusivamente em animais, constituindo aproximadamente 30% de proteína animal. É um componente essencial dos tecidos e sistema esquelético, sendo encontrado como constituinte da pele, tendões, cartilagens, ossos e tecido conectivo. Colágeno in vivo, geralmente é branco, opaco, com fibrilas não ramificadas, embebidas em uma matriz de mucopolissacarídeos e outras proteínas. A quantidade depende do tipo de tecido e a idade do animal. As moléculas de colágeno são constituídas por três cadeias, arranjadas de tal forma que 95% correspondem a uma tripla hélice. Um organismo saudável necessita de colágeno para a manutenção do tônus muscular e de uma pele firme. Pesquisas mostram que, por volta dos 25 anos, o organismo começa a diminuir a produção de colágeno em contraposição à necessidade constante dessa importante molécula no processo de rejuvenescimento e reparação celular. O colágeno é a principal proteína do corpo que garante a coesão, elasticidade e regeneração da pele, cartilagem e ossos. Há diferentes tipos de colágeno encontrados em locais específicos do corpo. Aos 50 anos, o corpo só produz em média 35% do colágeno necessário. Supõe-se que esta seja uma das principais causas do envelhecimento. Com a diminuição do colágeno, os músculos ficam flácidos, diminui a densidade dos ossos, as articulações e ligamentos perdem a elasticidade e a força, a cartilagem que envolve as articulações fica frágil e porosa. O colágeno do tipo I hidrolisado ou Peptídeos de colágeno, é utilizado para diversas aplicações, tais como: Osteopenia; Saúde articular; Osteoporose; Perda óssea; Firmeza muscular e de pele; Produtos para saciedade; Produtos para medicina esportiva. O Colágeno Hidrolisado também preenche o estômago rapidamente, e faz com que o processo de esvaziamento aconteça mais devagar, prolongando a sensação de saciedade. Com isso, ocorre menor consumo de calorias, e emagrecimento com diminuição do risco de obter flacidez no processo.

 

VITAMINA A – A vitamina A é uma vitamina lipossolúvel, essencial ao funcionamento da retina por promover a formação dos pigmentos que tornam a visão noturna possível (ao combinar-se com o pigmento opsina, formando a rodopsina). Também é fundamental para o crescimento e manutenção dos tecidos que revestem a superfície do corpo e para tornar o sistema imunológico mais ativo, melhorando a resistência às infecções. A absorção é eficaz na presença de gorduras, bile e sucos pancreáticos. Atua como potente antioxidante e neutralizante de radicais livres; possui efeito farmacodinâmico, no sentido de manter a pele em bom estado e favorecer seu metabolismo correto. A vitamina A é essencial não somente para o desenvolvimento da pele, mas também para o crescimento e manutenção dos ossos, glândulas, dentes, unhas e cabelos, participando também da elaboração e regeneração de substâncias indispensáveis à fisiologia da visão. Na pele, A vitamina A desempenha um importante papel na regulação do crescimento das células epiteliais e manutenção da integridade das mesmas, sendo que parte do desenvolvimento da epiderme é controlado por essa vitamina. Há evidências de que esta pode também alterar ou modular a síntese de colágeno. Após a aplicação tópica de vitamina A, a pele é ativada para produzir mais proteína epidérmica e para tornar a epiderme mais espessa, coberta de camada de queratina melhor formada. Estes efeitos estimulantes da vitamina A se contrapõe às mudanças que ocorrem com o envelhecimento. A pele envelhecida possui uma epiderme fina, com camada de queratina mal formada e uma série de outras alterações. A deficiência de vitamina A leva a alterações no epitélio (como atrofia), na proliferação de células basais e na diferenciação de novas células no ceitélio córneo. A deficiência prolongada causa comedões acnéicos à medida que os folículos capilares e glândulas sebáceas se obstruem. Este impedimento ao fluxo de sebo produz também fragilidade, ausência de maleabilidade e vida ao cabelo. Em outros níveis, a deficiência desta vitamina também leva a anormalidades no tecido nervoso e conectivo dos ossos, além de xeroftalmia e outras desordens oculares. Nas deficiências severas, os tecidos epiteliais e conectivo podem vir a ser sítios de infecção devido à diminuição da resistência celular frente à invasão bactéria.

 

VITAMINA C – Atua como coenzima e, sob determinadas condições, como agente redutor e antioxidante. Direta ou indiretamente fornece elétrons a enzimas que requerem íons metálicos reduzidos. Age como cofator para prolil e lisil hidroxilases na biossíntese do colágeno. Participa também do metabolismo de ácido fólico, fenilalanina, tirosina, ferro, histamina, norepinefrina e alguns sistemas enzimáticos de fármacos, bem como da utilização de carboidratos; da síntese de lipídios, proteínas e carnitina; da função imune; da hidroxilação da serotonina; e da preservação da integridade dos vasos sanguíneos. É rapidamente absorvido do trato gastrintestinal; a absorção pode ser reduzida com doses altas. É eliminada pela urina, a maior parte na forma de metabólitos. Em tratamentos, é utilizada na profilaxia e tratamento de deficiência de ácido ascórbico.

 

VITAMINA E – A vitamina E é um termo genérico aplicado a um grande número de compostos naturais ou sintéticos. O mais importante são as substâncias mais ativas e amplamente distribuídas na natureza. Os tocoferóis apresentam quatro isômeros com diferentes atividades farmacológicas. Dos quatro tocoferóis (alfa, beta, gama, delta), o alfa é o mais eficaz. Ao contrário das outras vitaminas lipossolúveis, é armazenada no organismo durante um período relativamente curto, (semelhante ao complexo B e à vitamina C), razão pela qual o acúmulo não costuma ser observado. O uso da vitamina E é necessário à conservação dos músculos, à integridade do SNC e à desintoxicação dos tecidos. É eficaz na prevenção de doenças cardiovasculares, contra efeitos da poluição e no alívio da tensão pré-menstrual. Por via tópica, tem ação antioxidante e retarda tanto a formação de peróxidos como a oxidação de lipídios, retardando assim, o envelhecimento cutâneo. Possui ainda, ação umectante e é usada em cosmiatria, geralmente associada a vitaminas A e D. É indicada para prevenção do envelhecimento celular, e tratamento de estados carências de vitamina E, e também como antioxidante e umectante.

 

BIOTINA – A biotina é uma vitamina hidrossolúvel do complexo B essencial para função normal das células, desempenhando um papel fundamental na manutenção da integridade da pele. Participa de inúmeras reações de carboxilação como cofator indispensável. É uma vitamina sulfurada, importante como coenzima para o metabolismo proteico, lipídico e energético do organismo. Algumas situações predispõem ao aparecimento de deficiência de biotina, a principal relaciona-se ao consumo de ovos crus que contêm avidina, uma glicoproteína que impede a absorção de biotina. Outras situações incluem: cirrose hepática; gestação; antibioticoterapia prolongada, por diminuição da microflora intestinal e consequente diminuição da síntese de biotina e nutrição parenteral prolongada por mais de oito semanas. Fontes alimentares de biotina: carnes vermelhas, gema de ovo e cereais. A biotina é essencial para produção de glicogênio, ácido nucleico e aminoácidos; Tem participação na produção das células brancas do sangue (célula T) e dos anticorpos; Aumenta o uso das vitaminas B12, B5 e do ácido fólico; Auxilia no fortalecimento da queda de cabelo e perda da pigmentação; Regula os níveis de gordura saturada (colesterol); Diminui as dores musculares e câimbras; É importante para tratamento de eczemas e dermatite.

 

SELENIO QUELADO – O selênio é um mineral essencial que o organismo necessita em quantidades mínimas. O selênio oferece proteção contra diversos cânceres e contra um amplo espectro de doenças como: doenças crônicas, como arterosclerose (doença das artérias coronarianas, doença cerebrovascular e doença vascular periférica), doença degenerativa das articulações (artrite), cirrose e doença pulmonar obstrutiva crônica (enfisema). É indicado como preventivo nas alterações degenerativas do pâncreas; exerce efeito protetor, retardando o desenvolvimento do tecido cancerígeno; deficiências imunológicas; também protege contra os efeitos tóxicos do cádmio, mercúrio, chumbo e outros metais tóxicos formando complexos biologicamente inativos; outra característica do selênio é que aumenta a efetividade da vitamina E; é um antioxidante que ajuda a prevenir a ruptura dos cromossomas dos tecidos. O leite humano contém 6 vezes mais selênio do que o leite de vaca e 2 vezes mais vitamina E, a deficiência de selênio está relacionada com a morte súbita infantil. A deficiência de selênio pode produzir distrofia muscular, diástese exudativa, necrose do fígado e infertilidade. O selênio protege a pele contra os raios ultravioleta. O selênio também tem sido estudado e utilizado no tratamento de pacientes com AIDS e com Ebola Vírus.

 

ZINCO QUELADO – O mineral zinco está presente em todas as partes do corpo e tem múltiplas funções. Ajuda a curar ferida e é componente importantíssimo de muitas reações enzimáticas. O zinco é vital para o funcionamento saudável de muitos sistemas do organismo. É especialmente importante para a saúde da pele e essencial para um sistema imunológico saudável e para a resistência a infecções. O zinco tem várias funções. Seu papel é crucial no crescimento e na divisão das células, quando é necessário na síntese de proteínas e de DNA, na atividade da insulina, no metabolismo dos ovários e testículos e no funcionamento do fígado. Como componente de muitas enzimas, está ligado ao metabolismo de proteínas, carboidratos, lipídios e energia. Acredita-se que a suplementação de zinco possa auxiliar no tratamento de problemas de pele como acne e eczema, problemas da próstata, anorexia nervosa, alcoolismo e possa ajudar pessoas que sofreram traumas ou passaram por cirurgias. Dentre outras indicações: suprir deficiência dietética nas patologias onde há deficiência de zinco; crescimento e reprodução celular; maturação sexual; fertilidade e reprodução; dermatites e dermatoses de várias etiologias; pruridos, eczemas úmidos e escoriações; melhora o paladar; acelera a cicatrização de feridas e queimaduras.

 

MAGNÉSIO QUELADO – O magnésio quelato (Bisglicinato) possui ligação com duas moléculas de glicina (aminoácido), o que potencializa seus benefícios proporcionando uma maior absorção e aproveitamento do magnésio pelo organismo. O magnésio é importante no processo de metabolização do Cálcio, da Vitamina C, Fósforo, Sódio e Potássio, sendo muito utilizado como suplemento por pessoas que não conseguem suprir suas necessidades diárias desse composto através da ingestão alimentar. Participa do processo de fixação do cálcio nos ossos, contribuindo para o fortalecimento ósseo. Além disso, promove efeito analgésico natural, auxiliando na redução da dor, recuperação muscular e melhora do desempenho durante a atividade física. O magnésio é vital para saúde do tecido muscular e nervoso. É indicado para prevenção e tratamento de doenças cardíacas, combate à fadiga neuromuscular, tratamento da TPM, combate à depressão, redução do stress e ansiedade.

 

            4.2-) Principais Indicações?

  • – Firmeza muscular e de pele;
  • – Manutenção de pele, cabelos e unhas;
  • – Aumento da elasticidade da pele;
  • – Promoção da saciedade;
  • – Prevenção de envelhecimento precoce (ação antioxidante);
  • – Saúde articular.

 

            4.3-) Contra Indicações?

A administração de colágeno pó hidrolisado não é recomendada a pessoas portadoras de problemas renais ou hepáticos, com níveis elevados de ácido úrico, gota, etc., pois o excesso ingerido é eliminado na forma de ureia. Este produto é contraindicado em casos de hipersensibilidade do usuário a algum dos componentes presentes na formulação, porém a venda é realizada sob prescrição de profissional habilitado, podendo este ser o nosso farmacêutico de acordo com a Resolução 586/2013 do Conselho de Farmácia. Consulte-o!

 

            4.4-) Referências Bibliográficas

  • – Literatura do Fornecedor
  • – BATISTUZZO J.A.de O. Formulário médico Farmacêutico 3ª ed. São Paulo: Pharmabooks Editora, 2006.

 

5-) Composição:

  • Colágeno hidrolisado – 10g
  • Vitamina A – 18mcg
  • Vitamina C – 50mg
  • Vitamina E – 5mg
  • Biotina – 5mg
  • Selenio Quelado – 50mcg
  • Zinco Quelado – 30mg
  • Magnésio Quelado – 40mg

6-) Modo de Usar: Uso oral – Tomar 1 sachê ao dia, diluído em 400 a 500ml de água ou suco.

7-) Validade: 6 meses

8 -) Advertências:

  1. Nunca compre medicamento sem orientação de um profissional habilitado.
    2. Imagens meramente ilustrativas.
    3. É necessário uma dieta e exercícios físicos para auxiliar a redução de peso.
    4. Pessoas com hipersensibilidade à substância não devem ingerir o produto.
    5. Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o médico.
    6. Não use o medicamento com o prazo de validade vencido. Qualquer dúvida entre em contato com a Biopharma.
    7. Manter em temperatura ambiente (15 a 30ºC). Proteger da luz, do calor e da umidade. Nestas condições, o medicamento se manterá próprio para o consumo, respeitando o prazo de validade indicado na embalagem.
    8. Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.
    9. Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica.
    10. O uso do medicamento durante o período de amamentação também não é recomendado.
    11. Este medicamento não pode ser partido ou mastigado.
    14. Este medicamento não deve ser utilizado por menores de 18 anos sem orientação médica.
    15. “SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO”.

Perguntas e respostas

Ainda não há perguntas.

Faça uma pergunta

Sua pergunta será respondida pela loja ou por outro cliente.

Agradecemos sua pergunta!

Sua pergunta foi recebida e será respondida em breve.

Erro

Warning

Ocorreu um erro ao gravar sua pergunta. Entre em contato com o administrator do site. Informações adicionais:

Adicionar uma resposta

Agradecemos sua resposta!

Sua resposta foi recebida e será publicada em breve.

Erro

Warning

Ocorreu um erro ao gravar sua pergunta. Entre em contato com o administrator do site. Informações adicionais: